Cartas de Jane

letter 3 11Há algumas semanas, fui acordada duas manhãs exatamente na mesma hora... 3:11!

Na primeira manhã, quando fui acordada de um sono profundo, fiquei imediatamente consciente da presença do Espírito Santo. Minha primeira resposta foi esperar em silêncio, e em seguida, adorar. À medida que eu adorava, comecei a expressar o meu amor, o meu apreço e a minha necessidade Dele. Senti uma profunda sensação de paz.

Duas manhãs depois, fui acordada mais uma vez. Por força do hábito, eu olhei meu celular para ver a hora. Você pode imaginar a minha surpresa ao registrar 3:11 novamente!

Como eu perguntei ao Senhor do que se tratava, senti que deveria procurar o significado do número 11. O número 11 fala de desordem e significa, "a última hora."

Um calafrio percorreu meu corpo, enquanto eu considerava o que o Espírito Santo queria me dizer. Geralmente, eu sempre quero encorajar os outros. Ainda assim, eu não pude me enganar com o que aconteceu.

Estamos em um momento ainda preocupante na história. Do meu ponto de vista, a partir da AGLOW, vejo alinhamento em muitas questões, tanto no céu como na terra, mais particularmente sobre a nossa grande amiga, Israel.

Primeiro quero  anunciar um alinhamento oportuno e importante em nome de Israel: a fundação de Líderes Cristãos Americanos para Israel (ACLI). Sandy Wezowicz, nosso Diretor de Educação sobre Israel e eu somos privilegiados por estar entre os membros fundadores, representando 15 organizações cristãs. AGLOW é uma parceria com a National Religious Broadcasters, a Embaixada Cristã Internacional de Jerusalém, o Christian Broadcasting Network e o Family Research Council, para citar alguns.

Nossa missão é falar com o público americano com uma voz unificada e verdadeira, falando em nome de dezenas de milhões de cristãos americanos que representamos coletivamente. Nossa mensagem: apoiar Israel e ao povo judeu, não só na oração, mas em esforços práticos.

Por exemplo, em março, uma carta foi redigida pela ACLI e assinada por 100 ministérios, líderes da igrejas e de negócios e enviada ao presidente Obama; líderes tanto da Câmara quanto do Senado expressando preocupação em relação às negociações com o Irã e pedindo-lhe para ficar com Israel.

Mais uma vez mudamos a folha do calendário e nos deparamos com um ano completamente novo. Todo ano novo traz consigo novas oportunidades e desafios. Estou compartilhando o que está no meu coração com vocês, pois vejo ambas as situações ocorrendo agora em 2015.

Antes do Ano Novo, sempre passo um tempo com o Senhor meditando sobre o que está por vir, tanto individualmente quanto corporativamente. Quero compartilhar com vocês alguns dos sinais que o Senhor me deu sobre esse ano, e alguns dos desafios que provavelmente vocês e eu enfrentaremos.

2015…O número 15 significa “DESCANSO”

Vemos na Bíblia que o descanso surge como resultado de libertação e salvação. Há três tempos específicos onde os israelitas foram convocados a descansarem. Foram instruídos a “descansarem do trabalho” na Páscoa (Lev. 23:6-7), e na Festa dos Tabernáculos (Lev. 23:33-35). Mas no livro de Ester, notamos outro tipo de descanso: Receberam o “descanso de seus inimigos” (Purim, Ester 9:22). Além do descanso, eles também tiverem seu pranto transformado em alegria.

Hoje vivemos em um tempo e lugares estratégicos. Deus nos levantou como indivíduos e como um ministério, “para um tempo como esse”. Ele nos chama para adentrarmos no nosso destino, sabendo que estamos cobertos pelo favor do Rei. Assim como Ester e seu povo, os judeus, tiveram inimigos que estavam determinados a impedir, prejudicar, e frustrar os planos de Deus – nós, como Aglow International, também temos inimigos que tentam nos deter.

Este é um tempo extraordinário para viver!
Este é um tempo de grande tumulto e guerra espiritual.
Este é um tempo onde a escuridão está ficando mais forte.

Mesmo assim, a promessa permanece a luz e a glória do céu aumentarão e cobrirão toda a escuridão.

A Guerra Invisível

Enquanto vemos o espírito de rebelião do anti-cristo se levantar na terra, penso numa declaração que li anos atrás, em A Guerra Invisível, por Donald Grey Barnhouse.

A Guerra foi declarada. O grande anjo regente tornou-se um inimigo maligno. Deus não estava surpreso nem mesmo espantado, pois Ele já tinha o Seu plano perfeito pronto para entrar em cena. Mesmo tendo poder para destruir Satanás com apenas um suspiro, Ele não o fez.

Era como se um decreto tivesse sido proclamado no céu. Vamos dar a esta rebelião um julgamento completo. Vamos permitir que seja executada em sua plenitude. O universo deve ver o que uma criatura, ainda que tenha sido a maior criatura a sair da Palavra de Deus, pode fazer longe d’Ele...

Deus nunca, nem pode, entregar-se. A entrega incondicional do Seu Universo a Ele deverá ocorrer. O inimigo não poderá, sob nenhuma circunstância, frustrar a Graça de Deus. O que Deus prometeu será cumprido!

A escuridão pode surgir como uma corrente de águas, mas a promessa dita através do profeta Isaías permanece.

Vindo o inimigo como uma corrente de águas, o Espírito do Senhor arvorará contra ele a sua bandeira. Isaías 59:19

Atos 1:8 diz que devemos ser testemunhas…até os confins da terra. Creio que tenha levado essa passagem em consideração de maneira muito pessoal no ano passado.

Comecei o ano viajando pela Europa, Israel, Hong Kong e China. No meio do ano retornei à Israel e, então, à América Central. Passei um tempo viajando pelos Estados Unidos; Colorado, Califórnia, Michigan, Washington DC e Milwaukee; fui para o Canadá e Grã-Bretanha, então retornei aos Estados Unidos para participar da Conferência Nacional em Albuquerque, Novo México. Que maravilha poder ver em primeira mão o que Deus está fazendo na Aglow ao redor do mundo – literalmente!  

Levamos o GameChangers às nações. O poder da Palavra está movendo homens e mulheres a um novo lugar em Deus e o solo de suas nações está sendo preparado pelos seus pés já que começam a viver a realidade do GameChanger. Verdadeiramente a Aglow é uma obra de Deus que está mudando o mundo.

Chuck Pierce compartilhou uma mensagem durante a Páscoa deste ano declarando que o Corpo De Cristo pisou em um novo lugar da sua identidade. E, agora, uma palavra foi nos dita especificamente durante a Conferência Nacional dos EUA de 2014, dizendo que este é o momento de iniciarmos, anunciarmos e profetizarmos o próximo mover de Deus na terra. Esse é um posicionamento governamental.