Bem-vindos a um novo ano de exploração! Quem será Deus para nós este ano? Este será um ano marcado por primícias, pois cada dia apresenta oportunidades para novos começos. Ele fez todas as coisas novas!

O campo é nosso

Ao ler sobre Rute, minha atenção se voltou aos passos bem específicos que foram dados por ela desde recolher o que sobrava do campo até se tornar na proprietária do campo. Primeiro, ela lavou o seu rosto.Depois trocou de vestido. E, então, ela foi para o campo.

Deus tem levado a Aglow para dar diversos passos bem específicos nos últimos 50 anos, e Ele está nos guiando propositalmente enquanto começamos os nossos próximos 50 anos.

Por essa razão, peço para que tomem as suas decisões esse ano, a partir de um novo lugar ao invés do lugar de onde as decisões eram tomadas. Há um novo lugar para o compromisso. Passe mais tempo em adoração. Passe mais tempo escutando ao Espírito Santo. Um novo ritmo está tocando no Céu e com isso novas tarefas e missões estão sendo lançadas. Algumas estão intimamente relacionadas com as portas das nações. Algumas são para as portas das cidades. Estamos alinhando com o novo que está sendo lançado, pois o inverno passou e a primavera chegou! Espere fazer as coisas de forma diferente!

Como tenho refletido diariamente sobre quem a Aglow é nesta nova temporada, estou confiante de que Deus chamou a Aglow para impulsionar o Reino neste ano. Estou ansiosa para explorar as várias maneiras pelas quais Ele irá trabalhar através de nós nas nações porque Ele nos posicionou espiritualmente e geograficamente como um movimento que ora a partir de um lugar de intercessão do Reino. Nós ganhamos superioridade aérea! Vamos usá-la!

Uma canção ungida

Quando a equipe se reuniu no nosso primeiro dia de volta ao trabalho, adoramos ao som de uma música antiga, uma música ungida. Desde aquele dia, eu a escutei muitas vezes no silêncio da minha casa enquanto as lágrimas fluíam. Eu me vejo capturada por Sua Glória.

Na nossa primeira sexta-feira no escritório, depois de uma reunião, começamos a ouvir a música, Healing in Your Glory, de Lindell Cooley, uma música que surgiu no Brownsville Revival. Uma hora depois, depois de ouvir a música diversas vezes, nos vimos ofuscados por Sua Glória. Fui atraída por ouvi-la repetidamente, assim como muitos outros. Estou incluindo um link para você aproveitar e ser ofuscado.

Alinhamento traz foco

Ao concluir minha carta de dezembro de 2017, citei uma declaração de Graham Cooke feita em Richmond: as pessoas que estão em alinhamento superarão aqueles que estão fora de foco. Antes da nossa 50ª conferência, senti que deveria focar mais no alinhamento - em parte porque recebi uma cópia do novo livro, Alignment do Asher Intrater. Ao lê-lo, lembrei-me do livro de Graham Cooke, Coming into Alignment, que ele dedicou a Aglow.

O alinhamento é relacionado a posição. É um caminho que foi preparado de antemão para ser trilhado. O caminho requer intimidade (amor e submissão) e autoridade. Quando temos um coração e uma consciência sensível, buscamos alinhamento e submissão em todas as situações que enfrentamos. Pense em aplicar isso em sua dinâmica de grupo - deixando seus direitos de lado pela maior unidade que o alinhamento traz. É a unidade da qual Jesus fala em João 17:22 que existe entre ele e o Pai.

O alinhamento é uma ordem que permite que todos tenham seu lugar e sua função dentro da estrutura dessa ordem. Dentro do alinhamento, é criada uma atmosfera para produzir frutos.

Tendo passado por um portal/portão/porta, nos encontramos diante de decisões que exigem alinhamento imediato. Alinhamento que traz ajustes precisos e posicionamento adequado de cada peça para que haja uma relação adequada entre todas as partes. A Aglow está sendo alinhada para estar no lugar certo no momento certo.

Em novembro, respondemos a uma palavra dada por Barbara Yoder em nossa conferência de 2017 para nos reunirmos entre 30 e 60 dias com um mapa. Reuni um pequeno grupo de 7 em novembro para examinar diferentes partes do ministério e como podemos ir para um lugar de alinhamento mais elevado. O grupo consistiu de Nancy McDaniel, Diretora Global de Oração; Linda Jones, Diretora de Campo dos EUA; Jervae Brooks, Diretora de Campo Internacional; Joan Bennet, Diretora da Ásia e do Pacífico Sul; Kay Rogers, Supervisora de Serviços Estratégicos; e Kathy Sanders, Diretora de Desenvolvimento Global de Líderes e eu.

Alinhamento estratégico de oração

Como muito do que foi dito pelos nossos conferencistas identifica a Aglow como um grande movimento de oração na Terra, eu sinto que parte da estratégia de desdobramento para este ano gira em torno da oração. Somos guerreiros experientes e oramos de um lugar de intercessão do Reino e ganhamos "superioridade aérea".

Ao ver como Deus nos reposicionou nesta nova estação, notamos o alinhamento que anteriormente chamamos de "Tarefas de Oração Global" – uma chamada de oração realizada anteriormente na 4ª noite de quinta-feira de cada mês e a chamada de Oração em Massa - uma chamada respondendo a questões globais críticas. Nós chamaremos para chamadas de oração global à medida que elas surgirem, então fique atento com o seu e-mail. A chamada da quarta quinta-feira será interrompida.

Outra estratégia de oração que sentimos que o Senhor está nos instruindo a montar envolve viagens de oração a nações específicas. Estamos considerando viagens a várias nações na Ásia neste verão. Mais detalhes serão desenvolvidos nos próximos meses; Gostaria de lhes pedir que sejam nossos parceiros em oração e finanças para ajudar nas viagens.
Aqui estão algumas das declarações feitas sobre a Aglow em relação à oração:

  • Deus nos deu supremacia aérea e você não vai mais se mover no aspecto sacerdotal da intercessão, você vai casar com o aspecto de intercessão do Reino.
  • Vamos decretar que as muralhas das nações cairão e seremos testemunhas disso.
  • Vamos declarar que os sistemas malignos que controlam as mentes de homens e mulheres pelo mundo serão derrotados pelo Espírito Santo e seremos testemunhas disso.
  • Não conheço outra companhia de intercessores que pode moldar essa unção do Reino; e da sua posição, sentados à direita do Pai, vocês começarão a moldar a supremacia aérea ao redor do mundo.
  • Vocês mandarão que algo seja feito em nome do Pai e do Filho.

Portas e portões

Saí da conferência com 4 palavras: portas, portões, anjos, guerra. Eu sinto que há portas ou portões específicos que encontraremos este ano que nos elevarão para impulsionar o Reino para a frente. Precisamos nos perguntar a nós mesmos e às questões chave de nossas equipes para passar de uma mentalidade de ambiente de igreja a uma mentalidade do Reino que possa surgir como o Exército de Deus na Terra.

  1. Fui chamado para liderar a Aglow neste momento?
  2. Quando escuto a frase, ‘A Aglow foi chamada para impulsionar o Reino para a frente’, o que isso significa para mim?
  3. Posso quebrar o padrão do passado e abraçar o novo caminho para o futuro?
  4. Estou disposto a passar tempo adorando e em silêncio para receber as novas tarefas que o Céu tem para o nosso grupo?
  5. Sabendo que Deus está observando a minha resposta, como estou respondendo? Alinhamento ou murmuração?
  6. Como estou agindo no lugar de onde fui apostolicamente enviado?

Estou te pedindo, como alguém que faz parte do movimento Aglow, a passar tempo lendo os Evangelhos este ano. Tudo o que Jesus fez, Ele fez do Reino. Ele estava desmanchando a maneira antiga de fazer as coisas e mostrando-lhes como o Reino funciona. Somos um povo do Reino e a Aglow foi chamada para impulsionar o Reino para a frente. Portanto, nosso texto para o ano será os Evangelhos. Separe um tempo para ficar em silêncio, ouvindo a direção do Espírito Santo.

2018 é um ano cheio do favor! Mergulhe!

Com muitas expectativa,

Jane Hansen Hoyt
jane-signature
Jane Hansen Hoyt
Presidente/CEO
Aglow International
facebook icon smallfacebook.com/jane.hansen.hoyt